Novedades Fundación TOVPIL

O poder da oração profunda


Deus não muda. Ele é definitivamente pleno, portanto, Imutável. Está, pois, inalteravelmente presente em nós, e não admite diferentes graus de presença. O que realmente muda são nossas relações com Ele, conforme nosso grau de fé e amor. A oração torna mais firmes essas relações, produz uma penetração mais entranhável do Eu-Tu, através da experiência afetiva e do conhecimento fruitivo. E a semelhança e a união com Ele chegam a ser cada dia mais profundas.


Acontece como um archote dentro de uma sala escura. Quanto mais o archote alumia, melhor se vê a "cara" da sala, a sala se faz "presente", ainda que não tenha mudado.

Qualquer um de nós pode experimentar que, quanto mais profunda a oração, mais sentimos a presença de Deus, patente e vivo Deus. E quanto mais resplandece a glória do Rosto do Senhor sobre nós (Sl 30), os acontecimentos ficam envoltos em um novo significado (Sl 35) e a história fica “povoada” por Deus. Numa palavra, o Senhor se faz vivamente presente em tudo. Não há sorte ou azar, mas um timoneiro que conduz os fatos com mão firme.


Extraído do livro Mostra-me Teu Rosto do Frei Inácio Larrañaga